4 de fevereiro de 2019 09:26

Produtores de leite são capacitados sobre boas práticas na produção leiteira


A capacitação na mão de qualquer cidadão é uma importante ferramenta de transformação econômico/social, por viabilizar ao capacitado condições técnicas e intelectuais na realização de seus objetivos, com vistas à obtenção de resultados ainda melhores. E visando proporcionar novos conhecimentos a pequenos produtores de leite do Município de Carira, a Empresa de Desenvolvimento Agropecuário de Sergipe (Emdagro) realizou, na última quarta-feira (30), uma Oficina sobre Manejo na Produção de Leite, destinado a 25 produtores do Plano de Investimento Produtivo da Pecuária Leiteira, do Assentamento Edmilson Oliveira, daquele município.
A oficina faz parte do Projeto Dom Távora, financiado pelo FIDA, desenvolvido pela Secretaria de Estado da Agricultura, Desenvolvimento Rural e da Pesca, com a participação da Emdagro, através do seu setor de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) e tem como objetivo capacitar os agricultores para as boas práticas de produção leiteira com vistas ao melhoramento da qualidade e segurança do leite produzido fornecidos às fábricas e, consequentemente, aos consumidores sergipanos.
Ao longo do dia, os produtores receberam dos Médicos Veterinários da Emdagro, Izildinha Dantas e Marcos Franco, ambos facilitadores da oficina, informações acerca dos perigos na produção de leite e como os prevenir; Instalação e equipamentos; Higienização das instalações, equipamentos e utensílios; Qualidade da água; Manejo de resíduos e lixo; Controle integrado de pragas; Higiene e saúde de ordenhador; Manejo sanitário (controle da mastite, da brucelose, da tuberculose e de carrapatos); Manejo da pré-ordenha; Manejo da ordenha; Manejo da pós – ordenha; Como medir a qualidade do 
leite; e, sobretudo, orientações sobre a Instrução normativa 62/2012 do MAPA. Além disso, participantes pas saram por uma demonstração de métodos em diagnóstico da mastite e higienização de utensílios.
Para a Coordenadora de Agricultura da Emdagro e palestrante da oficina, Izildinha Dantas, os produtores tiveram acesso a informações relevantes sobre de como produzirem com qualidade e agregarem valor e renda a seus produtos. “Com a capacitação, os produtores poderão se organizar melhor, reduzir gastos com doenças e devolução do leite por acidez, já que eles comercializam diretamente com as indústrias de laticínios, e chegarem a vender seus produtos com um acréscimo de até R$ 0,25 por litro de leite, através do pagamento por qualidade”.
A coordenadora destacou ainda a participação das mulheres em capacitações como essa, pois demonstram que seu envolvimento traz ainda mais qualidade ao processo de ordenha, garantindo assim, maior eficiência na produção na sua unidade familiar.
Além dos Médicos Veterinários Izildinha Dantas e Marcos Franco, estiveram presentes na capacitação, o Diretor de Assistência Técnica e Extensão Rural da Emdagro, Esmeraldo Leal, e do chefe do escritório local da empresa e Gestor da Unidade Local de Gestão de Projetos em Carira, José Ananias Rezende de Lima.

 

 

 

 

 

 

 

Last Updated on 4 de fevereiro de 2019 by carlos.mariz