15 de fevereiro de 2021 09:35

Produtoras de mangaba se reúnem com técnicos da Emdagro em Pirambu


Associação busca fortalecer a atividade extrativista através de capacitações

 

Um grupo de 20 agricultoras da Associação de Catadores de Mangaba do povoado Baixa Grande, município de Pirambu, leste sergipano, estiveram reunidas, na última semana, com técnicos da Empresa de Desenvolvimento Agropecuário de Sergipe (Emdagro), buscando fortalecer as ações voltadas para a reprodução de mudas frutíferas, hortaliças, ervas, polpas e derivados da mangaba, entre outros produtos.

 

Para o desenvolvimento do trabalho na comunidade pela Associação de Catadoras, as trabalhadoras rurais pediram o apoio da Emdagro, para a elaboração de uma agenda de capacitações sobre enxertia de mudas frutíferas e elaboração de mudas para reflorestamento, além de orientação quanto ao planejamento e à organização do próprio grupo.

 

“A Emdagro já presta assistência técnica e extensão rural a 15 das 25 participantes do grupo de catadoras. Faremos agora cadastramento das demais agricultoras e buscaremos trabalhar a inserção delas no planejamento da Emdagro para o ano de 2021”, comentou a Técnica em Economia Doméstica da Emdagro em Pirambu, Josenildes Menezes.

 

Na ocasião, o chefe do escritório local da Emdagro em Pirambu, Francisco de Assis Gross, reforçou a importância das parcerias. “A experiência mostra que quando nós, extensionistas, articulados com outros parceiros, apoiamos as iniciativas dos homens mulheres rurais, eles são capazes de construir uma base sustentável de desenvolvimento no campo”, defendeu Francisco.

 

Participaram também da reunião as assessoras da Emdagro do escritório central, Abeaci dos Santos, Elizabeth Denise Campos e Tabita Evangelista, além do Secretário Municipal da Agricultura de Pirambu, Marcos Biriba, e do assessor Joellington Silva Lopes.

Last Updated on 15 de fevereiro de 2021 by carlos.mariz